Tempo de contribuição e vínculo empregatício

Gostou do texto?
dinheiro em cima de carteira de trabalho
Saiba mais sobre as suas contribuições do vínculo empregatício

É importante acompanhar as suas contribuições pois é por meio delas que você terá direitos aos benefícios da previdência social.

Como principal benefício almejado pelos contribuintes está a aposentadoria.

Portanto, a analise das suas contribuições é em relação a quanto tempo já contribuiu e quanto tempo falta para contribuir e receber o seu benefício.

Dessa forma, iremos analisar abaixo; como analisar o seu tempo de contribuição, o seu vínculo empregatício e quais são as aposentadorias destinadas aos contribuintes do INSS.

TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

Para poder saber o seu tempo de contribuição não é necessário se deslocar até uma agência do Instituto Nacional do Seguro Social para obter essas informações.

De acordo com pesquisas, os relatos apontam que ¼ dos atendimentos dos postos da previdência social são para obter informações.

Porém, muitas das informações pedidas pelos contribuintes nesses postos de atendimento podem ser solucionadas por outros meios, sem precisar ir pessoalmente a uma agência.

O melhor meio para consulta de informações é através do site do Ministério da Previdência Social pelo link www.previdencia.gov.br.

Ao entrar nesse sistema você poderá analisar ou requerer agendamentos, consulta de situação do benefício, carta de concessão, extrato de pagamento do benefício, e muitos outros serviços.

Mas para que você saiba o tempo de contribuição é necessário entrar na página de serviços do INSS https://portal.inss.gov.br/servicos-do-inss/ e procurar a opção “simulações”.

Feito isso, clique em “calcular tempo de contribuição”. Em seguida coloque o número do seu NIT (PIS, PASEP ou CICI) e o código de segurança.

Embaixo você deverá marcar o aviso “Estou ciente de que trata somente de uma simulação da contagem do tempo de contribuição com os vínculos informados por mim, não garantindo o reconhecimento do direito ao benefício” como lido.

Ao final clique em “confirmar”.

Depois preencha os campos pedidos com seu nome e os períodos em que contribuiu.

Prontinho, após seguir essas orientações o sistema simulará o seu tempo de contribuição.

Lembrando que a simulação apenas contará a data inicial e a data final dos vínculos empregatícios que o trabalhador já obteve, o que é denominado de tempo comum.

Ou seja, não entra na contagem os períodos em que praticou atividades especiais.

E todas essas informações podem ser revistas pela agência da previdência após a concessão do benefício pelo contribuinte.

Bom, caso deseja realizar uma nova simulação é só clicar em “nova consulta”.

É possível então perceber os vários serviços disponíveis pelo site da previdência social, ou seja, não se desloque a uma agência, realize os serviços do conforto e na comodidade da sua cada.

trabalhador segurando capacete amarelo
Saiba mais sobre a aposentadoria do trabalhador

CONSULTA DE VÍNCULO EMPREGATÍCIO

A consulta dos vínculos empregatícios também pode ser realizada de forma online por meio do portal da previdência social.

Para fazer a consultar do extrato de vínculos e contribuições é só entrar no site da previdência http://www.previdencia.gov.br/ e procurar em serviços a opção “extrato de contribuições à previdência social”, depois clicar em consulta extrato”.

Você então, deverá informar o número do NIS, PIS ou PASEP e sua senha.

Essa senha, apenas pode ser emitida por uma agência da previdência, pois tem o intuito de evitar fraudes ao contribuinte.

O atendimento para retirar a senha pode ser feito mediante agendamento pelo próprio site ou ligando para a central de atendimento através do número 135.

Esse extrato também ficara disponível para os correntistas do banco do Brasil que poderão emitir seus extratos por meio dos caixas eletrônicos e pelo portal do banco do Brasil através do link www.portalbb.com.br.

Já para os correntistas da Caixa Econômica é só entrar na internet banking que é o portal designado da instituição bancária.

APOSENTADORIAS

Apresentado como principal benefício da previdência social, as aposentadorias são divididas em 7 tipos e cada tipo precisa de requisitos específicos.

Porém, iremos analisar somente as mais requisitadas.

Aposentadoria por tempo de contribuição: esse tipo de aposentadoria apresenta 3 modalidades e para as três é necessário cumprir o período de carência de 180 meses;

  • regra 85/95 progressiva (haverá uma soma da idade + o tempo de contribuição que para o homem será de 95 anos e para a mulher 85 anos)
  • regra 30/35 anos de contribuição (não há idade mínima, apenas é necessário que o homem contribua por 35 anos e a mulher com 30 anos)
  • regra proporcional (25 anos de contribuição + o adicional da mulher e 30 anos de contribuição + o adicional do homem)

Aposentadoria por Idade: é para o trabalhador que comprovar o período de carência trabalhado que são 180 meses e possuir 65 anos se for homem e 60 anos se for mulher.

Aposentadoria por tempo de contribuição da pessoa com deficiência: essa modalidade é parecida com a aposentadoria por idade, porém os 180 meses do período de carência que são trabalhados tem que ser comprovados na condição de pessoa com deficiência e a idade mínima diminui de 60 anos para o homem e 55 anos para a mulher.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *